Daniela Rocha
por Daniela Rocha em 25 Setembro 2020

O ano de 2020 está surpreendendo pelo número de IPOs – ofertas iniciais de ações na Bolsa. Até o dia 17 de setembro, foram 13 aberturas de capital de companhias de variados setores e há uma fila com dezenas de empresas com propostas de ofertas sendo analisadas pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM). Assim, muita gente está perguntando se será superado o recorde de 2007, quando 64 empresas lançaram suas ações.

Henrique Garcia
por Henrique Garcia
em 24 Setembro 2020

Entre todos os tipos de fundos, os multimercados têm apresentado maior atratividade este ano e representam, na média, 45% da carteira dos investidores, segundo o nosso estudo Big Data base de agosto. 

Henrique Garcia
por Henrique Garcia
em 22 Setembro 2020

Atualmente, vemos uma grande busca por alternativas para diversificação das carteiras e, assim, foi batida a marca histórica de um milhão de pessoas que investem em fundos imobiliários no Brasil, segundo dados da B3. Houve um crescimento acelerado de cerca de 57% no número de investidores este ano até agora. 

Daniela Rocha
por Daniela Rocha
em 17 Setembro 2020

Os fundos de investimento estão atraindo cada vez mais investidores. Mesmo em um momento desafiador da economia, a indústria de fundos teve uma captação de mais de R$ 146 bilhões no acumulado do ano até agosto. 

Os multimercados e os fundos de ações tiveram as maiores entradas de recursos, o que mostra a disposição dos investidores de tomarem mais risco diante da taxa Selic baixa. Mas, no setor, a maior participação em patrimônio ainda é dos fundos de Renda Fixa. 

Cassio Bariani CFP®
por Cassio Bariani CFP®
em 17 Setembro 2020

Em agosto, o Ibovespa teve uma perda de 3,44%. Foi a primeira queda mensal do índice desde março, interrompendo a sequência de recuperação após o estopim da crise do coronavírus. No acumulado do ano até agosto, o principal índice da Bolsa desvalorizou 14,07%.

Daniela Rocha
por Daniela Rocha
em 15 Setembro 2020

Depois de ter caído 45,03% e atingido o seu pior momento da crise da covid-19 no dia 23 de março, a Bolsa entrou em uma trajetória acelerada de recuperação. 

Esse movimento rápido de retomada trouxe à tona o debate de que a Bolsa já estaria cara e até fez com que alguns agentes levantassem a hipótese de que estaria caminhando para uma bolha, mas para outros tantos, estaria muito longe disso. 

Henrique Garcia
por Henrique Garcia
em 10 Setembro 2020

Na nova realidade de juros baixos no país e a queda do retorno das aplicações em renda fixa, as ações e seus dividendos figuram entre alternativas de diversificação dos investidores, com o objetivo de obterem maiores ganhos.

Daniela Rocha
por Daniela Rocha
em 08 Setembro 2020

Muitos investidores ainda têm dúvidas ou não conhecem toda a lógica que está por trás dos diferentes prazos de resgate dos fundos de ações. Entre as perguntas mais frequentes: “Por que é possível resgatar em apenas um dia do fundo X, mas do fundo Y leva 60 dias?” ou “Por que demora tanto eu poder fazer o resgate do meu dinheiro?”

Daniela Rocha
por Daniela Rocha
em 04 Setembro 2020

Com os juros baixos, os fundos imobiliários ganham destaque. 

Hoje, já são cerca de um milhão de pessoas físicas que investem em FIIs. Para se ter uma ideia, houve um crescimento de quase 50% no número de investidores este ano até agora.  

Daniela Rocha
por Daniela Rocha
em 31 Agosto 2020

Diante da queda da taxa básica de juros e da redução dos retornos dos títulos e fundos de renda fixa, assim como do maior acesso a conteúdos de educação financeira e informações sobre investimentos, o fluxo de pessoas físicas na Bolsa vem aumentando de forma acelerada. 

Cassio Bariani CFP®
por Cassio Bariani CFP®
em 27 Agosto 2020

A Bolsa tem atraído cada vez mais investidores pessoas físicas. No período da pandemia, mais de 900 mil novos CPFs ingressaram no mercado e, hoje, já superam 2,8 milhões. O avanço no número de investidores foi de quase 130% em um ano.

Henrique Garcia
por Henrique Garcia
em 25 Agosto 2020

No país, os fundos multimercado tiveram captação líquida de R$ 23,4 bilhões em julho, a maior entrada mensal e acima dos demais tipos de fundos, segundo a Anbima. Os multimercados das subcategorias livre e de investimentos no exterior foram os que receberam mais recursos. 

Henrique Garcia
por Henrique Garcia
em 20 Agosto 2020

No mês passado o Ifix – Índice de Fundos Imobiliários com cotas negociadas na B3, teve uma queda de 2,61%, após ter três meses seguidos de altas. A desvalorização no ano chegou a 14,53%.

Cassio Bariani CFP®
por Cassio Bariani CFP®
em 18 Agosto 2020

Em julho, o Ibovespa subiu 8,27% aos 102.912 pontos, o quarto mês consecutivo de alta. Porém, no ano, a Bolsa acumulava uma queda de 11%.

O Ibovespa avançou no mês passado ainda por conta das reaberturas graduais das principais economias do mundo e por estímulos fiscais de governos e injeções de liquidez dos bancos centrais. As pesquisas e os testes de vacinas contra o coronavírus também pesaram positivamente.

Daniela Rocha
por Daniela Rocha
em 13 Agosto 2020

A diversificação de investimentos é fundamental para diluir riscos e maximizar ganhos. Mas principalmente agora com a queda da taxa de juros no Brasil, também está fazendo sentido buscar alternativas de investimentos fora do Brasil.