Search:

Dividendos: qual o impacto no retorno da sua carteira?

Categoria: Rentabilidade

Frequentemente, family offices e investidores não fazem uma análise adequada da rentabilidade das carteiras de ações em seus portfólios. Na maioria das vezes, a atenção está voltada apenas para a valorização ou desvalorização das ações na bolsa.

No entanto, para se fazer um acompanhamento correto destes investimentos, deve-se monitorar conjuntamente a valorização das ações e seus respectivos dividendos.

Esse controle é necessário para assegurar a comparação adequada do portfólio de ações com ou de outras aplicações.

O dividendo é um importante componente de renda no investimento de uma carteira de ações e no longo prazo, o impacto se intensifica fortemente. Se considerarmos ainda o reinvestimentos destes dividendos, o resultado da carteira é ainda maior.

Comparar retornos e riscos corretamente auxilia gestores e investidores a tomarem decisões mais assertivas!

Com a queda da taxa de juros no mercado de forma estrutural, os dividendos passam a ganhar ainda mais importância no cálculo dos retornos dos investimentos.

Impacto dos dividendos no retorno da carteira:

São três situações, considerando aplicações de R$ 1.000.000,00 em cada uma das ações no período de 5 anos:

gestao-de-investimentos.png

Individualmente nota-se que a diferença de retorno é bastante significativa e, ao olharmos o impacto na carteira no acumulado do período temos uma diferença ainda maior:

family-office.png

Portanto, realizar o cálculo do rendimento de uma ação ou carteira de ações considerando os dividendos é fundamental para se estabelecer comparações entre diversas estratégias e analisar se a relação risco/retorno está de acordo com os objetivos de investimento.

Henrique Garcia

CEO

Conheça mais sobre nossa plataforma

Simule e salve suas carteiras de investimento para ter maior controle sobre eles.

Fale conosco